4 de novembro de 2010

A rede


...Mergulho na onda vaga
Eu caio na rede
Não tem quem não caia...

(A Rede - Lenine e Lula Queiroga)

5 comentários:

Falk Brito disse...

Vânia, ficou lindo. Adorei. Sereno igualzinho você. Tenha uma excelente sexta-feira. Beijos.

Bela disse...

Vaniaaa, por um acaso é um monte de 'começos' de hydrangeas?
Tão liiindo!
Vou comprar este papel, há tempos que namoro ele!!
beijo beijo

Ivani disse...

Olá, Vânia!

Com esse maravilhoso branco a rede é da paz!

Beijos.

Leonardo Miyahira disse...

Oi, Vânia!!
Primeiro foi você quem se afastou do teu blog, na sua viagem. Logo em seguida fui eu quem me afastei do meu... Tava com saudades já das suas coisas bonitas!
Bjão. ;)

Papel e Poesia disse...

OI Vania,
esta lindo, por acaso estou também fazendo hydrangeas, mas chega um certo ponto que amasso o papel. estou tentanto.
essa é uma sequencia de começo de hydrangeas?
que tamanho é esse papel?
vou chegar a fazer uma sequencia também ...bjos

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails